Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

matriz2006

matriz2006

26
Nov10

..

A língua Portuguesa

Estava eu com uma amiga
Por sinal bem bonita
E CHEIA DE PREDICADOS...
Numa destas modernices,
Eu escrevia, ela respondia.
Lá para o meio da conversa
A Amiga desapareceu
Por qualquer contratempo
O meu jeitoso portátil
De vez em quando volátil...
Mas assim muito de repente
Ficamos frente a frente
Novamente virtualmente.
Escreveu ela:
Estive a falar pró boneco
Coisas da net com certeza!
Respondi: provavelmente culpa minha
É que a minha cai.
Ah! Quem diria!
Senão o dissesse, tal eu nunca pensaria!
Respondeu ela.
Não aceitei o engano,
Mas ela continuou.
Já cai há muito tempo?
Talvez seja da idade!
Eu respondia, escrevia.
Não é a essa que eu me referia!
Mas ela teimava,
Ah, quem diria!
Eu respondia:
Não é a minha minha!!!
Que me referia!
Mas ela tão bonita,
  Cheia de predicados,
Escrevia:
Então cai ou não cai?
Cai, mas não é a minha, MINHA!!
Respondia eu:
Nisto a amiga desapareceu
A minha caiu novamente
E nunca mais alevantou.
E agora já viram a moenga
Pardalenga, lengalenga...
  A esta hora com certeza,
É fama!
Por culpa da língua Portuguesa!

AP