Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

matriz2006

matriz2006

25
Mai10

Parabéns, Pai

 

Hoje, quem me dera estivesses aqui. Ao celebrar 25 anos do meu filho, lindo seria celebrar 91 anos do meu pai. Mas Deus não quis assim e há tantos anos, celebro este dia triste e alegre. Mas prometo, não vou chorar, pois sei que aí, onde estás me proteges e proteges todos os teus. Parabéns , papá, estás sempre no meu coração.

 

 

 

 

 

 

Ao meu pai...

 

 

 

Homem que eu admiro tanto, 
com todas as virtudes e limites. 
Homem com olhar de menino, sempre pronto e atento, 
mostrando-me o caminho da vida que estava pela frente.
Mestre contador de histórias 
trazia em seu coração tantas memórias, 
espalhou no meu trilhar da vida, esperanças, 
certezas e confiança.
Homem trabalhador, alegre e brincalhão, 
e por  vezes, silencioso e pensativo, 
homem de fé e grande luta, 
sensível e generoso.
O abraço aconchegante que sempre me amparou, este homem, 
meu pai, com quem aprendi a viver. 
Papá, Pai, Paizinho, Paizão... 
nunca foste o meu velho, pois foste embora tão novo, foste conselheiro, meu grande  e leal amigo: 
infinito era o teu coração.
Obrigado, Papá, por teres orientado o meu caminho, 
feito de lutas e incertezas,  
mas também de muitas esperanças e sonhos!