nomeblog
,
Terça-feira, 27 de Novembro de 2007

Até Sempre Padre Fonte

 

 

Gostava de deixar umas simples palavras ao meu grande amigo Padre Fonte, mas é complicado explicar o que sinto por um pessoa tão fantástica e humilde como ele.
Quando recebi a notícia do seu falecimento foi como se me fugisse o chão debaixo dos pés, me espetassem uma faca nas costas,  a esperança de que melhorasse estava sempre presente. Lamento profundamente, trabalho com ele desde 1995, sempre foi uma pessoa impecável, amigo do seu amigo e um homem muito simples.
Quero e devo agradecer hoje muito daquilo que sou na Igreja Matriz , pois foi ele que me ajudou e ensinou a fazer sempre mais, bem feito e melhor.
Digo muito obrigado, pelas palavras amigas que sempre me dedicou quando mais precisei e acredite, Padre Fonte, já está a morar no meu coração para sempre.
 
UM ATÉ SEMPRE PADRE FONTE
 
Jorge Alheia
 
 
E como eu sei que muito mais ele gostaria de dizer ao Padre Fonte, junto o poema que li algures (sem autor) e achei apropriado. Acredito que dentro de alguns dias, sem a emoção destas horas o Filipe mais nos dirá sobre este grande amigo. É bonito Filipe, reconheceres perante todos,  a importância que o Padre Fonte tinha na tua vida e na de muitos outros jovens. É lindo, também o teu agradecimento. Acredita, lá onde ele está, estará certamente a sorrir perante o que lhe dizes. Põe em prática tudo quanto ele te ensinou, será a melhor maneira de o homenageares.
 

A vida e a morte
 

Corre nas veias,
No brilho de um olhar,
Apenas no som de um respirar
Deslumbra num simples passo...
Num simples conjunto de passos,
Que formam o caminhar...
Num toque,
Num gesto,
Num movimento...
Num batimento ritmado,
De um coração que manifesta sua existência
Tudo isso desapercebidamente
Se passa quando ela existe...
E também não se faz atentar
Mas quando se vai
Tudo fica inanimado
Não há mais o que se vislumbrar
O brilho se vai,
A alegria, o amor, a esperança...
Ficam apenas memórias
Ficam apenas lembranças
Entre a vida e a morte...

 
 
 
publicado por Marisa às 21:46

link do post | comentar | favorito
,

pesquisar

 

Novembro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

arquivos

Novembro 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Janeiro 2001

recentes

Pão por Deus

-----

------

---

-

----

--------

1 de Abril

---

---

links

blogs SAPO

subscrever feeds