nomeblog
,
Segunda-feira, 26 de Novembro de 2007

Até Sempre, Padre Fonte

 

 

Acabei de vir da Igreja....
Vim com o coração partido...
Sente-se a tristeza pelas ruas da Matriz, no rosto das pessoas que caminham cabisbaixas...
Parece que se perdeu a força...
Ficamos sem um dos nossos grande pilares na paróquia e na Póvoa....
Guardo com muito carinho todos os momentos que tive com o Padre Fonte e jamais esquecerei o seu exemplo!
As boas pessoas são eternas e a Padre Fonte, jamais morrerá!

 

 


Sílvia Nunes

publicado por Marisa às 13:45

link do post | comentar | favorito
2 comentários:
De tiago guimaraes a 26 de Novembro de 2007 às 17:42
tal como lhe disse á pouco nao ha palavras... tudo isto é muito triste, mas algo me alegra nesta noticia, é que o sr.padre fonte foi pra junto do PAI, lá com certeza de que continuará a fazer muito por todos nos, talvez mais ainda, quem sabe?!?! é nisto que penso sempre que alguem parte...
que a sua alma descanse em paz, e que lá em cima continue a zelar por nos, por toda a gente.

Jesus, Tu és o Pão



Jesus, Tu és o Pão

na Virgem semeado

na Carne amassado.


Jesus, Tu és o Pão

no sepulcro cozido

como em forno acendido

já nesse lume vivo,




Luz da Ressurreição!


Pão branco, saboroso,

todo ele glorioso,

a dar-Se gozoso

a cada coração!


Tu és o Pão partido,

à mesa repartido

por cada filho nascido

na Cruz da salvação!

(autor desconhecido)
De fernpeixoto@sapo.pt a 26 de Novembro de 2007 às 18:19
como foi triste a noticia que acabei de ler logo
que fiz a minha visita habitual, e como habituado que estava a ler só coisasd muito bonitas, esta foi
muito, muito trista, mas Deus assim o quiz e não á nada a fazer.
aqui fica a minha modesta homenagem

Tinha de ser agora

Foi Deus que assim o quiz
E não há nada a fazer
Rezar por si sempre o fiz
Mas isto já tinha de acontecer

Já tinha de ser agora
Que Deus queria sua companhia
Lembrar Padre Fonte a toda a hora
Dizendo para ele até um dia

No padre Fonte Deus encarnou
A compreensão o carinho e o amor
Seu rebanho que toda a vida ele amou
Deixa em todos um duro ratro de dor

Comentar post

,

pesquisar

 

Novembro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

arquivos

Novembro 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Janeiro 2001

recentes

Pão por Deus

-----

------

---

-

----

--------

1 de Abril

---

---

links

blogs SAPO

subscrever feeds