nomeblog
,
Sexta-feira, 7 de Setembro de 2007

A Chave

 

 

Chave
Paulo Roberto Gaefke
 
Existem situações, pelas quais passamos, que lembram uma chave capaz de abrir uma porta que sempre nos leva a "lugar nenhum", é a porta que quase sempre se abre para o sofrimento.

Pior ainda, é perceber que muita gente, vive com essa chave no bolso, e esta sempre usando-a, causando dor e sofrimento a si própria, envolvendo-se naqueles relacionamentos que já começam errado, em empregos que nitidamente não lhes servem, fazendo cursos que não lhe dizem respeito, trocando a noite pelo dia na frente do computador, se envolvendo com drogas, com amigos "drogas", com "situações drogas", e assim por diante.
 
Por isso, por causa dessa chave, que não abre porta alguma e nos conduz ao lugar nenhum, que muita gente reclama que nada dá certo para elas, vivendo situações que se repetem sempre, mal começam uma coisa e já sabem que não vai dar em nada.
 
Mas, porque não largar esse chave, destrui-lá pelo caminho? Como abandonar esse instrumento de tortura? Antes de mais nada, a chave é feita com nossos sentimentos, com nossas emoções, não é dada por ninguém, é estampada em nosso intimo, e para ficar livre dela, é preciso um esforço muito grande no caminho da modificação do nosso "eu", quebrar paradigmas, esquecer o "eu não posso", o "eu não consigo", e mudar tudo o que sabemos que precisamos mudar.
 
Quem está disposto a abandonar um caso extraconjugal?
Quem quer realmente largar um vício de anos?
Quem é que realmente começa um regime e se modifica?
 
Essa chave representa a luta do homem contra as facilidades que ele buscou e não consegue se desligar, é uma luta contra si próprio e, por mais incrível que pareça, totalmente a seu favor.
 
Que chave é essa que você anda carregando?
A da determinação que abre portas onde as pessoas só enxergam problemas?
A da esperança que te leva sempre a dar mais um passo em busca dos seus sonhos?
A do amor, que transformou sua vida em flores e possibilidades infinitas.?
 
Ou ainda é a velha chave do "eu quero, mas não consigo", a chave das lamentações, das dores, do medo?
Reflita, a chave da sua vida pode ser mais leve, livre e revestida de ouro que atrai mais brilho, mais vida, mais amor e nos leva mais perto

publicado por Marisa às 01:46

link do post | comentar | favorito
,

pesquisar

 
,

Novembro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

arquivos

Novembro 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Janeiro 2001

recentes

Pão por Deus

-----

------

---

-

----

--------

1 de Abril

---

---

links

blogs SAPO

subscrever feeds