Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

matriz2006

matriz2006

05
Jan07

Feliz Noite de Reis

 

 

 

 

 

 

Os Três Reis Magos são personagens da narrativa cristã que visitaram Jesus após seu nascimento. A Bíblia cita uns magos, que não eram reis e sim magos, sacerdotes ou conselheiros. Também não diz quantos eram, diz-se três pela quantia de presentes oferecidos. Estes tinham grande conhecimento dos astros, podendo ser astrólogos ou astrônomos, pois existem vários relatos de anúncios de nascimentos de reis pelas estrelas. Assim os magos seguiram a estrela e sabendo que se tratava do nascimento de um rei da Judéia, foram ao palácio no qual Herodes era o atual rei. Perguntando a ele sobre a criança no qual nada descobriram. O rei sentiu-se ameaçado e pediu aos magos que se o encontrasse,falasse a ele, pois iria adorá-lo também. Até que os magos chegassem ao local onde estava o menino,já havia se passado algum tempo, por causa da distância percorridas presume-se que seja num outro ano,prescisamente no dia 6 de Janeiro.

Estes magos ofereceram três presentes ao menino: ouro, incenso e mirra. Existem algumas teorias a respeito do significado destes presentes. O ouro pode representar sua posição de rei, ou então, pode ter sido providência divina para sua futura fuga ao Egito (quando Herodes manda matar todos os meninos até dois anos de idade). O incenso pode representar que Jesus seria um homem de oração, pois este produto era usado nos templos para simbolizar a oração que chega a Deus assim como a fumaça sobre ao céu (Salmos 141:2). A mirra é uma especiaria usada como analgésico, este presente no se remete à sua crucificação na qual Nicodemos oferece vinho misturado com mirra para aliviar as dores (Marcos 15:23).

Daí surgiu a tradição de presentear uns aos outros no Natal. Sendo que o primeiro presente foi o nascimento de Jesus para a salvação da humanidade.


Na tradição atual:

Os reis magos aparecem na tradição popular cristã e têm os nomes de Baltasar, Melquior (ou Belquior) e Gaspar.

Como se pretendia dizer que representavam os reis de todo o mundo, normalmente Gaspar é apresentado como negro, representando a África, mas também como rei da Índia; Melquior, rei da Pérsia; e Baltasar, rei da Arábia. Em hebreu, esses nomes significavam “rei da luz” (melichior), “o branco” (gathaspa) e “senhor dos tesouros” (bithisarea) representando as três raças existentes conhecidas.

A chegada dos reis magos corroboraria a profecia contida no Salmo 72: “Todos os reis cairão diante dele”.

 
Os três Reis Magos

Devemos aos magos a tradição de dar presentes no Natal. No ritual da antigüidade o ouro era o presente para um rei, o olíbano (incenso) para um religioso representando a espiritualidade e a mirra para um profeta (a mirra era usada para embalsamar corpos e, simbolicamente, representava a imortalidade). Melquior ofereceu ouro; Baltasar, incenso e Gaspar, mirra. Estes presentes confirmam o caráter de Jesus (rei, sacerdote e profeta) como símbolo do reconhecimento que aquela criança pobre que acabara de nascer haveria de se tornar um grande líder mundial e o salvador do mundo.

Baltazar que era o rei mago negro pois veio supostamente da Africa, Etiópia, pois trouxe incenso de presente. Gaspar trouxe mirra, certamente ele era da Pérsia ou Egito, dois lugares onde se trabalhava com este material principalmente quando se embalsamava alguém. Melchior ou Belchior trouxe ouro geralmente os adornos representam origem europeia.

Desde 1164, os restos mortais dos três reis estão numa urna de ouro na catedral de Colônia, em Köln.


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.