nomeblog
,
Terça-feira, 24 de Outubro de 2006

Atira a primeira flor

 

 

Atira a Primeira Flor.

 

Quando tudo for pedra... atira a primeira flor.
Quando tudo parecer caminhar errado, que sejas tu a tentar o primeiro passo certo.
Se tudo parecer escuro, se nada puder ser visto, acende tu a primeira luz.
Traz para a treva, tu, primeiro a pequena lâmpada.
Quando todos estiverem chorando, tenta dar o primeiro sorriso.
Talvez não na forma de lábios sorridentes, mas na de um coração que compreenda, de braços que confortem.
Se a vida inteira for um imenso não, não pares na busca do primeiro sim, ao qual tudo de positivo deverá seguir-se.
Quando ninguém souber coisa alguma e tu souberes um pouquinho,  sê tu o primeiro a ensinar.
Começando por aprenderes tu mesmo, corrigindo-te a ti mesmo.
Quando alguém estiver angustiado, procurando nem sabendo o quê, consulta bem o que se passa.
Talvez seja em busca de ti mesmo que este teu irmão esteja.
Daí, portanto, deves ser o primeiro a aparecer, o primeiro a mostrar que podes ser o único e mais sério ainda, talvez o último.
Quando a terra estiver seca que a tua mão seja a primeira a regá-la.
Quando a flor se sufocar na urze e no espinho, que a tua mão seja a primeira a separar o joio, a arrancar a praga, a afagar a pétala, a acariciar a flor.
Se a porta estiver fechada, que de ti venha a primeira chave.
Se o vento soprar frio, que o calor da tua lareira, seja a primeira proteção e primeiro abrigo.
Se o pão for apenas massa e não estiver cozido, que sejas tu o primeiro forno para transformá-lo em alimento.
Não atires a primeira pedra em quem erra.
De acusadores o mundo está cheio.
Nem por outro lado, aplaudas o erro, dentro em pouco a ovação será ensurdecedora.
Oferece tua mão primeiro para levantar quem caiu.
Tua atenção primeiro para aquele que foi esquecido.
Que sejas o primeiro para aquele que não tem ninguém.
Quando tudo for espinho atira a primeira flor, sê o primeiro a mostrar que há caminho de volta.
Compreendendo que o perdão regenera, que a compreensão edifica, que o auxilio possibilita, que o entendimento reconstrói.
Atira tu, quando tudo for pedra, a primeira e decisiva flor...

 

publicado por Marisa às 02:57

link do post | comentar | favorito
|
,

pesquisar

 
,

Novembro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

arquivos

Novembro 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Janeiro 2001

recentes

Pão por Deus

-----

------

---

-

----

--------

1 de Abril

---

---

links

blogs SAPO

subscrever feeds