nomeblog
,
Quinta-feira, 31 de Maio de 2007

Resultados Parciais da Votação

 

 

E mais uma vez informo os resultados às 21h00. Já sabem que estes resultados são a soma dos votos nos comentários do blog e dos votos no mail marisamoita@sapo.pt . votem onde vos der mais jeito. São válidos das 2 maneiras.Estão a entrar mais votos para o Pipo no blog e para o Martim no mail. O Pipo aproxima-se do Martim . Divirtam-se.

 

 

 

 

 

 

 

Laroca - 26 votos

Vermelhinha - 29 votos

Pipo - 61 votos

Martim - 67 votos

 

 

 

 

Continuem a votar, que eu estou a gostar de vos ver envolvidos numa coisa que a todos nós diz respeito.

Termina no sábado às 21 horas.

Obrigado pela colaboração.

 

publicado por Marisa às 21:05

link do post | comentar | ver comentários (85) | favorito
|

Vai a Matriz a Passar

Poema gentilmente dedicado a todos(a) os componentes das rusgas da Matriz - infantil, juvenil e sénior.

 

 

 

 

 

 

 

É a Matriz a cantar

Que vai sair p´ra rua

A Tricana mais o seu par

Na noite que é só sua

Leva o arco e o balão

O chinelinho no pé

Seu cantar é uma oração

A S. Pedro na sua fé

Noite fora a Matriz

Faz toda a gente dançar

Da Tricana o povo diz

Como é belo o seu bailar

Vão na rusga a cantar

Com toda a sua alegria

É a Matriz a passar

Nesta noite de folia

Fernando Mesquita Peixoto

24.05.07

publicado por Marisa às 19:03

link do post | comentar | favorito
|

Bolo de Felicidade (2)

 

Neste bolo de felicidade
nesta receita singela
quis eu acrescentar ainda
o cheiro da linda camélia


Para quem vou mandar
esta receita que beija,
vou também acrescentar
pra cada um uma cereja.

 



Com ela devem compor
este bolo maravilhoso,
misturem-lhe carradas de Amor
para ficar mais gostoso.

 


 


FELICIDADES!!

publicado por Marisa às 18:56

link do post | comentar | favorito
|

Boa noite

 

 

 

 

 

 

 

publicado por Marisa às 01:12

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 30 de Maio de 2007

Resultados parciais da votação

 

Pois é meninas, desta vez acho que vocês vão perder, pois os nomes masculinos já levam grande vantagem.

Aliás, eu acho até que vão em despique cerrado, pois quase me entopem a caixa de correio (brincadeira, mandem à vontade, que espaço é que não falta).

Ás 21 horas, a votação estava assim ordenada.

Laroca - 16 votos

Vermelhinha - 21 votos

Pipo - 43 votos

Martim - 64 votos

 

 

Aqui já estão somados os votos que caem nos comentários do blog mais os votos que recebi por mail. Devo dizer-vos que entre as 17 h de hoje e as 21 horas, recebi 34 votos.

Continuem, que até  sábado, muita coisa pode mudar. Podem votar quantas vezes quiserem, pois foi isso que combinamos. E que vença o melhor, ou seja o mais votado, pois esse será a escolha de todos, será o(a) mascote de 2007, para as nossas festas de S. Pedro.

publicado por Marisa às 21:05

link do post | comentar | ver comentários (20) | favorito
|

Bolo de Felicidade

 

Bolo de Felicidade


Que tal fazer um gostoso,
Bolo de felicidade?!
Não precisa ser confeiteiro,
basta disponibilidade.

Vamos ao modo de preparo:
pegue do amor boa porção;
para a quantidade certa,
use as dedadas da razão.

Acrescente carinho e doçura,
a gosto, mas sem exagero;
e uma pitadinha de ciúme,
que vai encorpar o tempero.

Adicione também confiança,
dando assim maior consistência;
para ficar delicioso,
lealdade é a melhor essência!

Regue com muita paciência,
para não se queimar e dar cor;
e vai pondo mais compreensão,
enquanto necessário for!

Feita com capricho a massa,
leve ao forno do coração;
já previamente aquecido,
e aguarde, sem precipitação!

Depois de algum tempo o aroma,
vai reacender no ambiente;
e uma vez acrescido, dourado,
seu bolo está pronto finalmente!

Com simpatia e dedicação
usando a criatividade,
você vai confeitá-lo então,
sirva e coma à vontade!

Com um chá de optimismo cai bem;
porém não o coma a sós;
já que você não é egoísta,
mande pois um pedaço pra nós!

Se gostou, passe a receita a outros,
desse bolo bom de verdade;
que é muito semelhante ao pão-de-ló,
e tem sabor de felicidade!

Extraído do livro
A Vida em Clave de Sol

Beijo e comam muito bolo da felicidade!!!

publicado por Marisa às 01:58

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 29 de Maio de 2007

Actuação - Festa de Lançamento do CD

 

O espectáculo teve partes distintas. Em primeiro lugar o Rancho actuou recriando a rusga, com arcos iluminados e parabéns a todas as meninas pois capricharam nos aventais e apresentaram tricanas lindas. Os rapazes, souberam ocupar o seu lugar e orgulhosos de suas tradições mostraram como se vivem as rusgas no Bairro da Matriz, porque as rusgas sentem-se, estão lá dentro, nos corações de quem as interpreta.

Depois vieram as variedades, actuou o Coral Corama, a Dores Ferreira que a todos encantou, o David Guimarães, que com a sua bela voz provocou imensos aplausos e Fernando Pereira, com a qualidade que há muito nos habituou.

Seguiu-se a actuação do rancho, que emocionou todo o público presente, pois todos se transcenderam e actuaram como nunca. A emoção passou a residir no salão da Matriz, e entre músicas já conhecidas e as novas em estreia, foi um espectáculo que soube a pouco. Terminaram com as modinhas poveiras, onde se fizeram várias rodas, com imenso público a participar e o espectáculo encerrou com as Saudades do Mar, que teve da parte do público a mesma resposta de sempre, ou seja, emoção, aplausos, uma apoteose final que o nosso rancho bem mereceu.

Sem muitos comentários, dado que não acho necessário acrescentar muito a tudo que já foi e ainda será dito, aqui ficam algumas fotos.

 

 

 

João Nuno e Nanda Caseira, mais uma vez colaboraram com a nossa Associação. Agradeço aos apresentadores que com o seu carisma e profissionalismo emprestaram qualidade e muito calor humano à nossa festa. Bem Hajam.

A Dores ainda só estava a experimentar o palco, mas eu tirei a foto.

O salão estava completamente cheio e a rusga deu entrada com seus arcos de luz e componentes trajados a rigor, que traziam a matriz nos corações que transportavam e a emoção nos seus próprios corações.

 

 

 

 

 

 

O Rancho interpretou 4 marchas de rusgas de S. Pedro. O encantamento foi geral.

 

 

De parabéns estão componentes, coro, tocata, ensaiadores, todos, até nós, elementos da direcção, porque foi realmente um sucesso..

 

 

 

Foi agradável e muito, muito bonito assistir às rusgas, apenas com os arcos iluminados, os balões dos elementos das rusgas que decoram o nosso salão, também iluminados e a difusa luz vermelha.

 

 

 

Não tenho fotos do coral corama, nem das actuações da Dores e do Fernando. se alguém tiver e quiser publicar, por favor enviem. E o rancho inicou a actuação, interpretando vários números.

 

 

 

 

 

 

De música para música, o rancho ia-se empolgando e o espectáculo ganhava em alegria, sorrisos e vivacidade.

 

 

 

 

O rancho homenageou as rendilheiras, dançando e cantando a bela música que lhes é dedicada.

 

 

 

Entre as belas vozes do coro, os lindos acordes da tocata, os dançarinos executavam  coreografias de rara beleza.

 

 

As músicas mais antigas, alternavam com as de estreia.

 

 

 

Todas as músicas interpretadas, fazem parte do novo CD do rancho Tricanas do Cidral.

O público correspondia lindamente e os aplausos eram constantes, fazendo com que o Rancho Tricanas do Cidral se sentisse muito acarinhado.

A nova música, Homenagem ao Pescador, foi um êxito, desde os nossos mascotes trajados a rigor para homenagear os pescadores da nossa e de todas as terras, como a coreografia, bem apropriada, transportava as nossa ilusões até ao mar imenso da Póvoa de Varzim.

 

 

David, um dos nossos componentes, enveredou pela carreira militar e não vai poder estar tão presente, pelo que ofereceu uma fita para a bandeira do rancho Tricanas do Cidral, para que o recordem sempre. Ninguém te esquece, eu prometo, aliás, sempre que estiveres livre, tens aqui o teu lugar.

Um grupo de alguns componentes , Fatinha, David, Betânia, Belmiro, Raquel, Ana Rosa e Xana, também quis assinalar esta data com a oferta de uma fita.

 

 

 

E mais uma vez, a coreografia da canção Póvoa do Mar, arrancou do público a melhor resposta.

 

 

O público vibrou e aplaudiu entusiásticamente.

 

 

Enquanto se dançava, entre o público circulavam os nosso pequenotes, acompanhados pelo Dourado, na oferta de bolinhos de bacalhau e a tradicional malga de vinho.

 

Iniciaram-se as modinhas com muita adesão dos presentes. Com a música "Bolinhos de Amor", componentes circularam entre o público distribuindo os populares bolinhos, enroladinhos em papeis multicolores.

 

 

 

A alegria era geral, todos se divertiam numa noite de festa . E as modinhas continuavam, havendo quem pedisse bis para o Abraço.

 

 

O Jorge e o Carlos, ajudados pelo Dani, ocuparam-se da venda de Cds e tiveram bastante trabalho, pois foram muitos os que quiseram adquirir o Cd na noite de lançamento.

Terminadas as modinhas, os componentes do rancho conduziram as pessoas que gentilmente acederam a ser seus pares ao lugar e regressaram ao palco, para ouvir os mini discursos de lançamento do Cd e encerramento da festa.

Antes do fim da festa foi feito o sorteio da peça que regista o lançamento do Cd do rancho tricanas do Cidral. Uma ágata com uma lira em prata incrustada. peça linda, cujo sorteio ditou a sorte para a D. Lurdes, esposa do Sr. Mário Rodrigues e que mal entraram no salão se dirigiram a mim e compraram bilhetes para o sorteio. A todos quantos nos compraram bilhetes do sorteio, o nosso agradecimento.

E deixaram o palco, interpretando Saudades do Mar. Um dia, já nem sei dizer em que terra, alguém me disse enquanto assistiamos ao encerramento de um espectáculo da Matriz. Esta vossa música é muito forte, transporta muita emoção para quem a ouve, causa até um arrepio na espinha. Nunca esqueci e podem crer, já a ouvi nem sei calcular quantas vezes, já a vi ser dançada e cantada no nosso rancho por tantos componentes diferentes, alguns que já nem estão entre nós, mas sempre que fazem aquela vénia final, eu sinto aquele tal "arrepio".

Para terminar, não posso dizer muito mais. Vocês já me conhecem e pelo que eu escrevi, já perceberam que também a mim o espectáculo emocionou, e fiquei muito feliz, pelo sucesso do mesmo. E não fiquei feliz só por mim,ou só pela Associação, fiquei feliz, pois mais uma vez comprovei que tenho razão quando vos digo que têm muito valor, que ás vezes vale a pena aquele pequeno sacrificio, pois tenho a certeza que o orgulho que sentiram com os aplausos e com todas as criticas POSITIVAS que têm ouvido e vão continuar a ouvir, compensam qualquer problema que no dia a dia tenham de enfrentar.

Vocês, vocês não, nós todos juntos,só devemos estar orgulhosos porque quando nos empenhamos, conseguimos tudo aquilo que queremos. 

 

E deixo aqui um agradecimento  ao Tiago Pereira que se empenhou na direcção musical do Cd, e como não podia deixar de ser um agradecimento muito especial ao Fangueiro e ao Mário, que sonharam este espectáculo, passaram-no para o papel, propuseram-no à direcção que lhes concedeu total apoio e conseguiram pô-lo em prática com o sucesso alcançado à vista de todos. E vocês sabem que não foi fácil, mas quando eles apostam, a aposta é para ganhar.

 

Para todos aqueles que tiveram o cuidado de  mandar mensagens,aos elementos do rancho e a todos os outros,  agradecemos o apoio e prometemos fazer sempre mais e melhor, pela Associação da Matriz, pelo Bairro da Matriz, pela Póvoa de Varzim

 

 

 

 

 

 

publicado por Marisa às 23:29

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Boa Terça feira

 

 

 

 

publicado por Marisa às 07:20

link do post | comentar | favorito
|

Nós...Mulheres

NÓS MULHERES

Dizem que, a uma certa idade, nós... as mulheres nos fazemos invisíveis. Que nossa actuação na cena da vida diminui e que nos tornamos inexistentes para um mundo onde só cabe o impulso dos anos jovens.
Eu não sei se me tornei invisível para o mundo, mas pode ser. Porém nunca fui tão consciente da minha existência como agora, nunca me senti tão protagonista da minha vida, e nunca desfrutei tanto cada momento da minha existência.
Descobri que não sou uma princesa de contos de fada; descobri o ser humano sensível que sou e também muito forte. Com suas misérias e suas grandezas. Descobri que posso  permitir-me o luxo de não ser perfeita, de estar cheia de defeitos, de ter fraquezas, de me enganar, de fazer coisas indevidas e de não corresponder às expectativas dos outros.
E apesar disso
Gostar de mim
Quando me olho no espelho e procuro quem fui,  sorrio àquela que sou.  Alegro-me  do caminho andado, assumo as minhas contradições. Sinto que devo saudar a jovem que fui com carinho, mas deixá-la de lado porque agora me atrapalha. Seu mundo de ilusões e fantasias, já não me interessa. É bom viver sem ter tantas obrigações. Que bom não sentir um desassossego permanente causado por correr atrás de tantos sonhos.
A vida é tão curta e a tarefa de vivê-la é tão difícil
 que quando começamos
 a aprendê-la, já é hora de partir "

 


publicado por Marisa às 00:57

link do post | comentar | favorito
|

Parabéns Xoninha

 

 

publicado por Marisa às 00:41

link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
|
Segunda-feira, 28 de Maio de 2007

Em votação

 

 

 

 

 

Assumindo diferentes critérios de selecção estão a votação 4 nomes: 2 femininos e 2 masculinos. Os 4 autores destes nomes estão identificados e seja qual fôr o resultado, serão revelados no próximo sábado, juntamente com o resultado final.

 

Nomes Femininos

 

Critério: Bairrista

 

 

VERMELHINHA 

Critério: Popular

LAROCA

Nomes Masculinos

Critério:  Diferença

 

PIPO

Critério: Criatividade

MARTIM

(Matriz, Amor, Respeito, Ternura, Inteligencia e Maturidade)

 

publicado por Marisa às 22:53

link do post | comentar | ver comentários (22) | favorito
|

Mensagens recebidas

 

 

 

Já vos disse que recebi muitas mensagens, muitos elogios, todas elas me provocaram fortes emoções e muito...muito orgulho. As que foram feitas nos comentários deste blog, estão aqui todas publicadas. As que foram dirigidas ao site http://ranchotricanascidral.no.sapo.pt/,  estão também lá. Mas algumas foram enviadas para o meu telemóvel e várias para o meu mail, que também funciona como mail da associação. Assim sendo e como acho que todas as mensagens são dirigidas não a mim, mas a todos, Rancho Tricanas do Cidral e Associação Cultural e Recreativa da Matriz, resolvi colocá-las aqui. Vou colocá-las tal como as recebi, sem fazer qualquer correcção ou alteração, tenho pena que algumas venham sem identificação, pois são mensagens tão lindas e que nos transmitem carinho, amizade e tanta força para continuar, que mereciam estar assinadas.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Grande espectáculo. Parabéns. JJ
 
Só quem dançou ou fez parte de um rancho, sabe a emoção que provoca ver uma coisa destas. fiquei triste por não fazer parte mas muito feliz por ver que o rancho tricanas do cidral é agora o melhor de todos.há muitos anos, quando diziam que eramos coitadinhos, a marisa disse que era teimosa e se nós (componentes ) colaborassemos, chegavamos lá. e chegaram, tinha razão. e é bonito ver como todos os componentes falam com ela, perguntam se correu bem, e como ela trata todos iguais, tem lá um filho, mas os outros são filhos também. e dou os parabéns, porque tem lá muitos do sul, que ela apoia igual. e vou dar também os parabéns ao sr. fangueiro e ao mário, pois eles uniram este rancho e fizeram com que fosse o melhor da póvoa. Ex-componente
 
Parabéns para todos. Foi lindo, comovente até. Joaninha
 
Façam mais, que eu adorei ver as vossas danças e cantares. Foi muito bonito. Carla Neves
 
Que lindas tricanas tem a nossa matriz. hoje no fim da missa não se falava de outra coisa. o sorriso de uma, o avental de outra, a voz do Sr. David, uma dádiva de deus. Vou dar os parabens a toda a direção da associaçao que organizou tão belo espectáculo e principalmente ao ensaiador fangueiro que juntamente com o mário ( que em tempos que era director já trouxe grandes festas , lembro-me de uma com estudantes que nunca vi outra igual) trouxeram vida nova para este rancho, que com eles dá gosto ver dançar e vê-se que todos andam lá felizes e com gosto também.
Carlos Lima
 
Gostei, aliás há muito não me emocionava tanto. Estão de parabéns. São M.
 
 
Não percebo nada de internet, mas pedi e o meu neto escreve o que eu lhe digo, pois fiquei muito emocionado com as danças da matriz. as rusgas foram lindas, mas aquelas novas musicas do rancho, são mesmo fora de normal. que emoção, parecia o barco com os pescadores a remar e as ondas do mar a mexer. parece que ainda estou a ver, quando fecho os olhos. comprei o disco e já ouvi várias vezes. obrigada matriz por uma noite muito feliz.
josé Mendes
 
Finalmente, a Matriz mostra todo o seu valor. Parabéns ao Mário, ao Fangueiro e á direcção que lhes dá todo o apoio. Está lindo o nosso rancho.
Luísa C.F.
 
 
Foi lindo, tão lindo que eu quase chorei. Vocês sabem tocar o coração das pessoas com toda a vossa alegria, com os vossos sorrisos, com a vossa elegância e gosto de dançar e cantar as tradições da nossa Póvoa. Queria deixar um grande abraço para o Sr. Fangueiro e para o Sr. Mário e para a D. Marisa pois todos os componentes andam sempre à volta dela e ela apoia e conversa com todos eles. Gostava de ver outra vez. Os aventais das senhoras eram lindos. Parabéns
 
 
È de pessoas como vocês que Portugal precisa, empreendedoras, que lutam contra tudo e todos, mas conseguem aquilo que querem. Eu já vi esse rancho tão fraquinho e nunca pensei ver um dia um espectáculo com a qualidade do que vi. Eu vi que se enganaram numa música da rusga, mas também vi, como entre sorrisos cúmplices se auxiliaram uns aos outros, se entenderam e chegaram ao fim com a graça e simplicidade que vos é característica. Vi também que foram aplaudidos do início a fim. Vi que crianças, jovens e alguns já mais entradotes, remam todos para o mesmo lado. Que procuravam o olhar do ensaiador, do Mário e até da Marisa, para ver se estavam contentes com o espectáculo. Ouvi, que têm vozes maravilhosas, como a do Fernando Pereira, a da minha amiga Dores e a do Sr. David, que é qualquer coisa de espectacular. Aliás, dou os parabéns a esse senhor, pois assumiu a sua falha de memória e reiniciou a sua música que a todos deliciou. E a vossa actuação como rancho, encheu todos os corações. As vossas coreografias estão pensadas de tal forma, que chegam ao coração, mexem com os sentimentos e agitam as almas até ao extremo. Muito obrigada a todos, foram excepcionais. Tenho pena que não estivesse presente ninguém da nossa Câmara, pois este espectáculo era digno de ser promovido e ser levado até aos nossos emigrantes.
Por tudo que eu já escrevi, já me devem ter identificado.
 
Fui á festa por “arrasto”. Só para não dizer que não a quem me convidou. Nunca imaginei que ia passar umas horas tão bem passadas. E confesso, sou poveiro, mas nunca tinha visto este rancho dançar. Para mim, rancho era folclore, roupas pesadonas, música aos gritos. Quanta ignorância a minha. Confesso que fiquei pasmado, quando entraram com aquela roupa e empoleiradas naqueles chinelos. Mas de queixo caído mesmo fiquei, quando em cima dos chinelos, dançaram viras e não sei o nome das outras músicas, com tanta graciosidade, com tanta leveza, sempre com um belo sorriso estampado nos rostos. Fiquei também admirado, com tantos rapazes novos que assumem as tradições da nossa terra, que se orgulham de saber dançar e cantar todas aquelas lindas músicas. Confesso que tive inveja do vosso lugar, quando dançaram aquela linda música, onde nos passaram a sensação das ondas a chegar à praia trazendo um barco. Vocês fizeram-me orgulhar de ser poveiro.
 
 
Sem dúvidas, o melhor rancho de todos. Parabéns.
S.M.C.
 
São um conjunto muito harmonioso. Desde os que dançam, aos que tocam e aos que cantam, todos se completam. E dou os parabéns ao ensaiador, pois têm coreografias lindíssimas, que apelam ao bairrismo das pessoas.
 
Onde andam estas garotas lindas, que nunca as vi na Póvoa? Por que será que quando trajam de tricana, ficam tão diferentes, tão charmosas? Meninas, se querem um conselho, deitem fora as calças de ganga. Não imaginam como ficam sedutoras com o traje do Rancho Tricanas do Cidral. L.m.
 
 
publicado por Marisa às 19:40

link do post | comentar | favorito
|

Rosas

 

 

ROSAS

   
   Estas rosas, elas são virtuais...
Mas trazem todo o perfume do carinho e da amizade...
Vejam, como são lindas!
Sintam com emoção, pois elas representam nossos sentimentos sem mágoas.
Elas foram cultivadas no jardim do coração...
Do que valem as disputas...
Ódio e mágoas?
Perdoem.
Sejam tolerantes.
O que ontem foi tristeza, hoje é alegria...
Aceitem-as com carinho, pois elas levam uma mensagem de paz.
Que as rosas vos possam ensinar  o caminho do amor...
Um lindo dia pra todos...
Com todo o meu carinho...


publicado por Marisa às 00:43

link do post | comentar | favorito
|

Ainda o espectáculo

 

Muito vai dar que falar, podem ter a certeza. Mas também tenho a certeza que por muito que queiram criticar???, a critica terá de ser positiva para ser verdadeira.

 

Fiquem felizes, todos os que participaram para a realidade linda que se transmitiu ontem, pois só recebi elogios através de sms, de telefonemas, de mails, de conversas,tudo serve para os que assistiram, mostrarem a sua satisfação pelo programa.

 

E também já senti tristeza em algumas pessoas que não assistiram, mas já ouviram falar da noite de sábado, uma linda noite no salão da ACRMatriz.

 

E acreditem, se na nossa casa, onde todos nos conhecem, conhecem as nossas tradições, os nossos trajes, tivemos tanto êxito, em alguns casos, houve até quem chegasse às lágrimas que eu vi correr em mais de um rosto, quando apresentarmos este espectáculo fora de portas vai ser um sucesso estrondoso e no Cabeção, onde já está marcado e tanto nos elogiaram na actuação normalissima do ano transacto, eles vão delirar e adorar ver o Rancho Tricanas do Cidral.

 

Vamos continuar a trabalhar para apresentarmos ainda melhor este espectáculo.

 

VOCÊS SÃO O MÁXIMO

 

 

 

 

publicado por Marisa às 00:07

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Domingo, 27 de Maio de 2007

Mascote

 

Hoje foi dia de descanso,pois eu também sou filha de Deus e depois de um espectáculo daqueles, até eu preciso de recuperar energias ( até parece que fui eu que dancei).

Agora, sem brincadeiras, já passou o prazo e aconteceu algo em que eu não pensei. Houve um empate, depois do desafio de ontem, foi um entrar de nomes, que quase me entupiam o mail.

E assim temos 76 nomes para o masculino e 76 nomes para o feminino.

Amanhã com mais calma, vou imprimir todos os nomes, analisar e escolher, não sei se 2, se 3 nomes masculinos e 3 nomes femininos. Depois há que votar, e que ganhe o mais escolhido.

publicado por Marisa às 23:56

link do post | comentar | favorito
|

Parabéns

 

Estão de parabéns. A Associação Cultural e Recreativa da Matriz, o Rancho Tricanas do Cidral e principalmente os seus ensaiadores Fangueiro e Mário, que "sonharam o espectáculo" , apresentaram-no à direcção e hoje foi concretizado.

 

 

 

 

 

 

Com tempo, muitas fotos ilustrarão aqui um pouco do que hoje vivemos, pois de outro modo é difícil descrever. Só quem viu, poderá comentar.

 

No fim do programa, só ouvi elogios, e agradeço a todos os presentes, pois é por vós, que tanto nos esmeramos e empenhamos. Mas é bom ouvir as vossas amáveis palavras, sentir que gostaram, que deram por bem empregue terem-nos honrado hoje com a vossa presença.

 

Para todos aqueles que de qualquer forma, colaboraram e participaram neste espectáculo, obrigado pelo agradável serão que foi proporcionado.

publicado por Marisa às 03:10

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Pensamento

 

 

 

 

Quando um amigo te escuta, sentes que aquilo que lhe contas e te acontece é muito importante para ele, mesmo que a ti te pareça pequeno!

 

 

 

publicado por Marisa às 02:20

link do post | comentar | favorito
|

Canção Grata

 

Canção grata

 
Por tudo o que me deste
inquietação cuidado
um pouco de ternura
é certo mas tão pouca

Noites de insónia
Pelas ruas como louca
Obrigada, obrigada
Por aquela tão doce

e tão breve ilusão
Embora nunca mais
Depois de que a vi desfeita
Eu volte a ser quem fui

Sem ironia aceita
A minha gratidão
Que bem que me faz agora
o mal que me fizeste

Mais forte e mais serena
E livre e descuidada
Sem ironia amor obrigada
Obrigada por tudo o que me deste

Por aquela tão doce
e tão breve ilusão
Embora nunca mais
Depois de que a vi desfeita

Eu volte a ser quem fui
Sem ironia aceita
A minha gratidão 
 

 

Florbela Espanca 

publicado por Marisa às 01:08

link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 26 de Maio de 2007

Mascote

 

 

 

 

 

 

 

 

Eu não quero fazer uma

 

 

mas neste momento, o(a)mascote, tende a ser masculino. Isto porque recebi até agora 57 nomes masculinos e 52 femininos. De ontem para hoje, os rapazes votaram em força e vocês garotas, deixaram-se adormecer e a vantagem até era grande. Mas o prometido é devido. Se até à hora marcada, 24 horas depois da publicação do(a)mascote completo, houverem mais nomes masculinos, será um mascote e o nome a escolher será entre os masculinos que recebi. Se houverem mais femininos, aí será escolhido entre os nomes femininos eteremos uma mascote do sexo feminino.

Eu sei que hoje até é um dia difícil, pois as meninas do rancho têm se se preparar e fazer o puxo para a festa de mais logo à noite, mas aproveitem que os rapazes devem ter ido ver a final do Ovo de Páscoa. Aliás para onde eu vou, já, já, pois a Matriz vai disputar a sua final.

publicado por Marisa às 16:20

link do post | comentar | favorito
|

Mascote

 

 

E aqui temos o(a)nossa mascote, de autoria de Tiago Pereira,  para todos darem uma última olhadinha e decidirem qual o melhor nome. Não achas interessante ser o padrinho ou a madrinha? Manda então os nomes que entenderes. Só tens mais 24 horas. Depois serão escolhidos 3 e postos a votação aqui no blog. Participa.

 

 

 

 

Olá! Eu sou a mascote oficial do Bairro da Matriz , ano 2007.
 
Como podes ver tenho um penteado em “ M ” de Matriz, e o meu corpo é composto por um “ 0 “ e um “ 7 ” referentes ao corrente ano.
 
A particularidade mais engraçada que tenho, é a de ter só uma perna, o que me faz saltar ainda mais de alegria neste S. Pedro.
 
Vamos apoiar o melhor Bairro do País, a Matriz!
Faz como eu, traz um cachecol ao pescoço e salta de alegria!
publicado por Marisa às 08:25

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Pedras no caminho

 

 

As pedras do caminho...

 

 

"Posso ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes,

mas não esqueço de que a minha vida é a maior empresa do mundo.

E que posso evitar que ela vá à falência.

 

Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver,

apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise.

 

Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas

e se tornar um autor da própria história.

É atravessar desertos fora de si,

mas ser capaz de encontrar um oásis no recôndido da sua alma.

 

É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida.

 

Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos.

É saber falar de si mesmo.

É ter coragem para ouvir um "não".

É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.

 

Pedras no caminho?

Guardo todas, um dia vou construir um castelo..."

 

 

Fernando Pessoa

 

Gentilmente enviado por AJMoitaVaz, a quem desde já agradeço as palavras simpáticas, as visitas ao nosso blog, e a colaboração.

 

 

 

 

 

publicado por Marisa às 01:48

link do post | comentar | favorito
|

É Hoje...Não percas!!!!

 

 

publicado por Marisa às 01:18

link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 25 de Maio de 2007

Final do Ovo de Páscoa

 

Mais uma vez, uma equipa da ACR Matriz, disputa uma final do Torneio de Futebol Juvenil Ovo de Páscoa.

Vamos todos ver o jogo, vamos mostrar aos nossos jovens que estamos muito felizes com os resultados obtidos. Vamos apoiar a nossa equipa do escalão A, que vai disputar o 1º e 2º lugar no Torneio de 2007, no ringue da Junta de Freguesia, amanhã, dia 26 de Maio, ás 16h30m.

Neste escalão temos também o melhor Guarda Redes, o Miguel Santos,  com apenas 1 golo sofrido e o Melhor Marcador, o João Silva, com 16 golos.

Estão de parabéns todos quantos colaboraram para que estes resultados fossem hoje uma realidade. Para todos, sem excepção a ACR Matriz expressa um caloroso agradecimento.

 

publicado por Marisa às 17:50

link do post | comentar | favorito
|

Sílvia

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por Marisa às 12:52

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Parabéns João Vítor

 

 

 

 

 

publicado por Marisa às 07:54

link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
|

Mascote 8

 

 

 

 

 

 

 

 

E aqui está a última peça. Acredito que já todos conhecem a figura completa e de certeza, muitos mais nomes vos surgiram. Enviem rápido, ou para os comentários do blog, ou para marisamoita@sapo.pt

 

 

publicado por Marisa às 07:20

link do post | comentar | favorito
|

Bom dia João Vítor

 

 

 

Neste dia, dou os parabéns ao João Vítor e recordo com saudade outro João, o meu pai, que se cá estivesse faria hoje 87 anos. Ele foi, mas deixou um neto a festejar o aniversário no mesmo dia, para que fosse sempre recordado sem tristeza, mas com muita alegria.

 

publicado por Marisa às 02:58

link do post | comentar | favorito
|

Nunca esqueças João Vítor

 

 

 

 

 

publicado por Marisa às 01:15

link do post | comentar | favorito
|

Rusga - Jogo de Futebol

 

 

 

 

 

Já está marcado o jogo de futebol - convívio

 entre os elementos da rusga sénior da Matriz.

É no dia 3 de Junho, às 16h30m, no ringue da ACRMATRIZ. Não faltem.Vamos divertir-nos e conviver. É para meninos e meninas, não se esqueçam.

 

publicado por Marisa às 00:59

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Ensaio da Rusga Sénior

 

Hoje a rusga sénior iniciou os ensaios da Marcha de 2007,com música e letra do Sr. francisco Regufe.

Aqui fica a letra para que se possam ir habituando e para que no S. Pedro, todos juntos façamos chegar a todos os bairros da Póvoa, a nossa voz.

Vou ao S. Pedro à Matriz

As penas que eu encontrei

Ao longo da minha vida

Numas caixinhas guardei

Até que um dia decida

Com elas o que fazer

Para mim é um tormento

omo hoje festa vamos ter

Atito minhas penas ao vento.

Refrão:

( cantado só pelas meninas)

Vou ao S. Pedro à Matriz

Meu coração vou alegrar

Talvez eu possa ser feliz

Se algum rapaz eu encontrar

Refrão

(cantado só pelos rapazes)

Meu S. Pedrinho a teu altar

Irei rezar com devoção

Agradecer pela alegria que tens dado

Ao meu triste coração.

S. Pedro és meu eleito

Entre os santos populares

Por que tiras do peito as penas e os pesares

Por isso com alegria hoje te venho cantar

E neste imenso mar de folia

Gosto de contigo navegar.

Refrão

(cantado só pelas meninas)

Refrão

(cantado só pelos rapazes)

Como podem verificar a letra é linda, aliás, vou usar o comentário de uma componente da rusga, a Sílvia, pois achei a opinião dela ao ler pela primeira vez, a descrição correcta e com a qual concordo plenamente

" A letra é romântica, é linda, é diferente"

 

E aqui ficam algumas fotos do ensaio, sem arcos e com arcos. Os arcos é para se irem habituando ao seu peso e a manuseá-los com a graça característica dos componentes da nossa rusga.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por Marisa às 00:42

link do post | comentar | favorito
|

Feliz Aniversário João Vítor

 

 

 

 

publicado por Marisa às 00:05

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Quinta-feira, 24 de Maio de 2007

Mascote 7

 

 

 

 

 

 

 

E o(a) nossa(o) mascote está quase, quase completo. Que tal seres tu a dar-lhe o nome?

 

 

publicado por Marisa às 20:18

link do post | comentar | favorito
|

Actuação na Festa do Sr. dos Milagres

 

Decorreu bem a actuação e conforme prometido, aqui ficam as fotos.

Para todos, obrigado pelo empenho demonstrado.

A Igreja estava linda, as imagens são muito bonitas e para quem, como eu adora flores e arranjos das mesmas, foi um momento sublime comtemplar aquela igrejinha por dentro. Não sei quem é o(a) responsável pelos arranjos florais, mas assim mesmo deixo aqui os meus parabéns, pois a cor, a harmonia e a beleza estavam ali de mãos dadas.

 

A Dores canas e o Avelino Viana, mais uma vez participaram da procissão, representando a Associação Cultural e Recreativa da Matriz e o Rancho Tricanas do Cidral. Bem Hajam, pela vossa disponibilidade.

 

Antes de entrar em palco, estava vento frio, difícil era tirar os casacos e alguns resistiram até ao último momento. Como sempre, as habituais brincadeiras, sorrisos e os cumprimentos à Maria, que apesar de tão ocupada agora com a doença do marido, fez questão de estar presente e entrar com a bandeira em palco. Obrigado Maria e as melhoras para o Sr. Franklim.

 

A boa disposição era constante.

 

Já o rancho alinhava para a saída do anterior e o nosso ensaiador aproveitava o xaile de alguém para iludir o frio.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

MAis uma vez tenho de agradecer ao Carlos Rosa, não, desta vez é à esposa do Carlos Rosa, à Mónica, pois estas fotos são uma montagem de fotos tiradas por mim e por ela. Obrigado de coração por terem tirado fotos e principalmente, por mas enviarem tão prontamente.

 

 

 

 

 

 

publicado por Marisa às 19:30

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Padrinhos e Madrinhas

 

 

Já são muitas as sugestões de  nomes que recebi para o(a)mascote. Continua indefenido o sexo, mas a maioria diz que é feminino. Só queria esclarecer que tenho recebido sugestões por email marisamoita@sapo.pt e tenho recebido várias nos comentários do blog. Não estranhem o facto de não aparecerem estes comentários pois estão todos por aprovar para que não se saibam quais os nomes que estão a sugerir. No fim, prometo que apresento uma listinha com os nomes sugeridos e de quem sugeriu. Isto é, de quem manda o nome, pois tenho já vários comentários anónimos. São tão bonitinhos os nomes, porque não se identificam? Colaborar é uma coisa útil, vamos dar o nome, para que no fim todos possam agradecer a quem realmente se empenhou nesta brincadeira.

Continuem a sugerir, que está quase a terminar.

Para todos

 

 

 

 

publicado por Marisa às 19:10

link do post | comentar | favorito
|

A Vida

 

 

 

Se você abre uma porta,
você pode ou não
entrar em uma nova sala.
Você pode não entrar
e ficar observando a vida.
Mas se você vence a dúvida,
o temor, e entra, dá um grande passo:
nesta sala vive-se!
Mas, também, tem um preço...
São inúmeras outras portas
que você descobre.
Às vezes curte-se mil e uma.
O grande segredo
é saber quando e qual porta
deve ser aberta.
A vida não é rigorosa,
ela propicia erros e acertos.
Os erros podem ser transformados
em acertos quando com eles se aprende.
Não existe a segurança do acerto eterno.
A vida é generosa,
a cada sala que se vive,
descobre-se tantas outras portas.
E a vida enriquece
quem se arrisca a abrir novas portas.
Ela privilegia quem descobre seus segredos
e generosamente oferece afortunadas portas.
Mas a vida também pode ser dura e severa.
Se você não ultrapassar a porta,
terá sempre a mesma porta pela frente.
É a repetição perante a criação,
é a monotonia monocromática
perante a multiplicidade das cores,
é a estagnação da vida...
Para a vida,
as portas não são obstáculos,
mas diferentes passagens!


(Içami Tiba)

publicado por Marisa às 01:22

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 23 de Maio de 2007

Mascote 6

 

 

 

 

 

 

O sorriso promete, lembra alguém sensível, alegre, com muita vida e muita folia para festejar S. Pedro.

 

 

publicado por Marisa às 18:16

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Seja como o sol

 

 

 

 

publicado por Marisa às 01:41

link do post | comentar | favorito
|

A vida

 

 

A vida, com suas fases de infância, juventude,velhice, é uma experiência constante.

Cada fase tem seu encanto, sua doçura, suas descobertas. Sábio é aquele que desfruta de cada uma das fases em plenitude, extraindo dela o melhor. Somente assim, na soma das experiências e oportunidades, ao final dos  anos, guardarás a jovialidade de um sábio.

Se és idoso, guarda a esperança de nunca ficar velho!

 

publicado por Marisa às 01:15

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 22 de Maio de 2007

Final da Taça da Póvoa - Feminino

Perante bastante público, o jogo desenrolou-se em bom ritmo e embora lamente não termos conseguido o 1º lugar, temos de dar os parabéns às nossas garotas que se bateram com garra e muito desportivismo. As duas equipas proporcionaram a todos quantos se levantaram cedo no domingo um bom jogo de futebol.

 

 

É para a Associação Cultural e Recreativa da Matriz uma honra que as suas atletas tenham disputado esta final e tenham como sempre como maior arma, não só os resultados, mas também a disciplina, o gosto pelo desporto, o sorriso no rosto, o prazer do convívio e de levar ainda mais longe o nome desta Associação.

 

 

 

Para todos, sem excepção, jogadoras, treinadores, massagistas, seccionistas, directores responsáveis, vão os parabéns por uma época bem conseguida e desejo de muito sucesso no futuro.

 

 

 

 

A final foi disputada com a equipa de Beiriz, a quem damos os parabéns pela vitória alcançada.

 

 

No fim do jogo, estavam felizes e com a certeza do "dever cumprido".

 

publicado por Marisa às 23:30

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Mascote 5

 

 

 

 

 

Que tem um olhar meigo, lá isso tem. Já me chegaram várias sugestões de nomes, mas ainda faltam 3 dias. Ainda podem sugerir muitos mais.

 

 

publicado por Marisa às 19:14

link do post | comentar | favorito
|

O Poeta e a Primavera

O Poeta e a Primavera
(Dueto-Entrelace)
Nandus & Aluena
 
 
Começa a Primavera… E que alegria!
A terra explode em harmonia
Abrem-se os corações, brotam as flores
Renascem, vida, luz e cores
E os poetas nas canções da poesia,
Renovam-se em vestes de magia
Mais inspirados estão com seus amores!...
Cantam hinos de amor multicolores!...
 
Cantam mais alto, em verso, os seus louvores!
Qual colibri beijando o ar, as flores
E aos seus amores, em grande apologia,
Correm os pensamentos à porfia
Doam versos em forma de flores
Conhecem seus alvores
De toda a Primavera deste dia!
Almejam e vibram na poesia…
 
Renasce a Primavera! E, na poesia,
A chama do lirismo incandescia
Os cânticos d’amor e de saudade!
Qual aluno numa faculdade
- E quanta dor e pranto, e nostalgia…
Varando noite adentro até ser dia.
 
O poeta transforma em alegria
A vida, desamor, melancolia,
Nos versos d’amor e d’amizade
Como no “Penedo da Saudade”
Da sua Primavera: - a Poesia!...
Trovador, poeta, alma e fantasia!...
 
 
 
Fernando Reis Costa-"Nandus"-Coimbra
Maria Manuela Silva - "Aluena" - Lisboa
 
 
publicado por Marisa às 00:03

link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 21 de Maio de 2007

Mascote4

 

 

 

 

Quem conseguir montar o puzle, ganha um doce. E que tal ser o nome que tu sugeres o mais votado?

 

 

publicado por Marisa às 18:13

link do post | comentar | favorito
|

Frase do Dia

 

 

 

 

 

 

 

publicado por Marisa às 01:37

link do post | comentar | favorito
|

O Luar

 

Caminho
Mãos no bolso,
Casaco apertado,
Resguardo-me do frio,
Rosto molhado
Lágrimas que caem,
Um nevoeiro denso
Pouco deixa avistar
Continuo sem destino
Pelo areal da praia
Deserta de pessoas
Apenas eu
Procurando
Reflectindo
Perguntas sem respostas
Respostas sem sentido
Eu, apenas eu
Com os mesmos dilemas
As mesmas duvidas
As mesmas mágoas
As mesmas tristezas
Eu
Apenas eu
Continuo o caminho,
Sem sentido,
Sem objectivo,
Onde tudo é incógnito
Onde tudo é futuro
Viver por viver
Assim o foi
Assim o é
Assim o será
Mas eu
Continuo o caminho
Eu
Apenas eu


O Luar

publicado por Marisa às 01:05

link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 20 de Maio de 2007

Porquê tanta intriga? tanta Guerra?

 

 

 

Para quê, tanta guerra?

Para quê, tanta intriga?

Não seria tão mais fácil, o diálogo, a conversa,

até mesmo pensar um pouquinho antes de fazer tanta coisa errada,

tanta coisa que prejudica, que magoa,

que põe em causa todo um trabalho, toda a total dedicação a uma causa,

porque alguém que se acha maior ou melhor,

pretende demonstrá-lo através da arrogância, da maledicência,

do diz que diz, sem contudo, afinal acabar por nunca nada dizer.

publicado por Marisa às 20:21

link do post | comentar | favorito
|

Mascote 3

 

 

 

 

Aqui fica mais um bocadinho. Já conseguem imaginar como vai ficar?

 

Não se esqueçam de o(a)  baptizar.

 

 

publicado por Marisa às 17:11

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Sem amor

 

 

 

publicado por Marisa às 00:40

link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 19 de Maio de 2007

Rusga Infantil

 

 

 

 

E o prometido é devido e aqui estão algumas fotos do ensaio da rusga infantil. O Jorge Miguel (mascote do rancho) e a Silvaninha, já são componentes da rusga juvenil, mas vão dando uma mãozinha quando falta alguém. Ana faria e Dores Canas, continuam a ensaiar as tres rusgas e prometem lindas coreografias para as Rusgas da Matriz. Força Amigas.

publicado por Marisa às 23:39

link do post | comentar | favorito
|

Ensaio do Rancho

 

 

 

 

Fotos do ensaio do rancho na última quarta feira. Na assistência, como sempre Jorge Miguel e Catarina, mascotes do rancho e Ritinha que também não falta. E agora temos uma assistente bem pequenina, que já vibra com as músicas do Rancho Tricanas do Cidral.

 

publicado por Marisa às 23:36

link do post | comentar | favorito
|

O bar da matriz

 

 

 

 

O Bar da Matriz, local de convívio para sócios e simpatizantes

 

publicado por Marisa às 23:29

link do post | comentar | favorito
|

Mascote2

 

 

 

 

 

 

Estamos a aguardar mais nomes para a(o) mascote

 

 

publicado por Marisa às 21:09

link do post | comentar | favorito
|

Ténis de Mesa

 

 

E no Ténis de Mesa, a Matriz há muito nos habituou também a ter campeões.

na foto estão Fernado Peixoto, seccionista da modalidade, Tiago Ribeiro, um praticante com futuro, os campeões Fábio Rabaldo, Tiago Braga e Hélder Marques e o Vice Presidente das Actividades Desportivas da nossa Associação Manuel Rei. Para todos sem excepção a ACRMatriz agradece o empenho que demonstraram ao longo de toda a época, que se concretizaram em excelentes resultados.

 

publicado por Marisa às 17:43

link do post | comentar | favorito
|

Futebol Feminino

 

A equipa de Futebol Feminino da ACRMatriz, vai disputar a final no domingo, dia 20 de Maio, às 9 horas da manhã, no Estádio Municipal num jogo que promete muita emoção.

A final será entre Beiriz e Matriz e desde já pedimos para que compareçam e apoiem a nossa equipa, apoiem o desporto e sem olhar ao resultado,festejemos com as nossas garotas o alcance de uma final.

 

Da equipa que está nesta final fazem parte:

Sara Cadilhe

Filipa Barros

Andreia Rodrigues

Isa Gonçalves

Carina Vanessa

Lisandra Veiga

Cristina Santos

Sara Areias

Andreia Cristelo

Fátima Nogueira

Marta Viana

Rute Barros

Carina silva

Débora Mata

A todas sem excepção, bem como aos responsáveis, seccionistas, massagistas, treinadores, a ACRMatriz agradece que tenham levado bem alto o nome da associação e do desporto da nossa cidade. BEM HAJAM

Para vocês aqui ficam estas flores

 

 

 

 

 

publicado por Marisa às 14:32

link do post | comentar | favorito
|

Fim de Semana

 

 

Se Rir é um bom remédio,
Vamos ter essa atitude;
Afastar pra longe o tédio
Rir é benefício prá saúde.
 
Vamos rir com vontade
E afastar pra longe tudo,
A alguma contrariedade
Rir em vez de carrancudo.
 
Cuidado! Com boca aberta…
Não vá a mosca entrar,
Rir, mas sempre alerta
Não vá o rir engasgar.
 
Se alguém nos falar alto
Damos uma gargalhada,
A pequeno sobressalto
Resolvemos com risada.
 
Se a mulher ou marido
Namorada ou namorado,
Nos moerem o sentido
Um sorriso bem rasgado.
 
Talvez seja bom remédio
Rir é muito contagiante,
Sorrindo com forte assédio
Fim-de-semana brilhante!
 
11.05.2007 Aires Plácido
 
publicado por Marisa às 11:32

link do post | comentar | favorito
|

Ovo de Páscoa - Escalão B

 

 

A equipa da ACRMatriz que participa no Torneio de Futebol Juvenil Ovo de Páscoa, disputa hoje o 7º e 8º lugar, no Escalão B.

Comparece no ringue da Junta de Freguesia em Nova Sintra. Apoia a nossa equipa.

Para os  jogadores, treinadores, seccionistas, massagistas, aqui fica o agradecimento por mais uma vez terem dignificado o nome da nossa Associação e do Bairro da Matriz.

 

 

 

 

publicado por Marisa às 07:42

link do post | comentar | favorito
|

Apertar as Mãos

 

 

Precisamos de as mãos apertar

Necessitamos de as apertar bem

Para não voltar a pensar

Nos males que esta vida tem

Vamos apertar com vigor

Pensando nos que estão a sofrer

Apertar as mãos com amor

para que todos possamos viver

Viver com amor e paixão

De mãos dadas com a vida

E não deixar que a emoção

Faça da vida coisa perdida

Precisamos de as mãos apertar

Libertar todas as nossas paixões

Para podermos alcançar

A paz em todos os corações

 

 

Fernando Mesquita Peixoto

Póvoa de Varzim, 14 de Maio de 2007 

 

publicado por Marisa às 01:07

link do post | comentar | favorito
|

Rebeldia

 

Rebeldia
(Maria Seixas)

(manifesto contra o imperativo não categórico)


Odeio o uso do modo imperativo.
Se me dizem, cala-te!, eu canto.
Se me dizem esconde-te!, eu exponho-me.
Quando me ordenam que me vista, me desnudo.
Se me mandam expor, vou pró meu canto.
Quando me querem falante, eu sou muda.
Se me fazem gritar, eu silencio.
Se me tentam excitar eu fico queda,
Se me querem gelada, fico em cio.

Sou égua de raça pura e alma leda,
Crinas ao vento e ventas de fome,
À espera de um jokey que me dome.


Quem julga que me domou, bem se engana.

 

 



publicado por Marisa às 00:35

link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 18 de Maio de 2007

Mascote da Matriz1

 

E a surpresa aí está. A(o) nova mascote será lançada em 8 pedacinhos que vocês vão começar a ver dia a dia, até estar totalmente construída. E ao mesmo tempo, vão pensar num nome para lhe dar. Mandem os nomes para os comentários do blog, ou para marisamoita@sapo.pt.

Quando todos os pedacinhos estiverem publicados, terão mais 24 horas para o(a) baptizarem.

Aí, serão então escolhidos os 3 nomes que eu e mais alguns elementos que depois direi quem são, acharmos os mais indicados e esses 3 irão então a votação no blog e o nome mais votado será o da(o) mascote. Isto porque vocês ao dar-lhe nome também lhe escolhem o sexo.

Espero que todos adiram a esta brincadeira que pretende que todos tomemos parte activa nas Festas de S. Pedro e em tudo que lhe diz respeito. Podem mandar quantos nomes quiserem e podem votar quantas vezes vos apetecer.

e fica então o pedacinho numero 1

 

 

 

 

publicado por Marisa às 23:59

link do post | comentar | favorito
|

Parabéns Barros

 

 

 

 

publicado por Marisa às 02:37

link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 17 de Maio de 2007

Está a chegar a mascote de S. Pedro 2007

 

Logo, logo, vai chegar a mascote para o S. Pedro 2007, no Bairro da Matriz.

Acreditem, é amoroso(a)? Não sei bem se é boneco, boneca? O Tiago Pereira, que foi quem o criou vai ter de decidir, ele é quem sabe, vai ter de me dizer!!!

E vem aí uma surpresa!!! Mais logo, ou se calhar amanhã, saberão.

Para já, em jeitinho de despedida, aqui fica a mascote de 2006

 

 

 

publicado por Marisa às 22:06

link do post | comentar | favorito
|

Póvoa do Mar - Lançamento do Cd

 

E aqui temos como música de fundo do nosso blog, a música do Cd que escolhemos para a sua pré divulgação - Póvoa do Mar - com letra e música de Fernando Pereira.

 

Agradecemos à Rádio Mar, que já tem em destaque a foto do Rancho Tricanas do Cidral ( foto nova - tirada na útima actuação) e a música que aqui também disponibilizamos.

 

A todos que como nós estão empenhados na divulgação deste trabalho, todo ele feito pela "Prata da casa", aos  jornais e rádios  locais e da vizinha cidade de Vila do Conde, daqui segue o nosso

 

 

 

 

publicado por Marisa às 21:56

link do post | comentar | favorito
|

Acreditar na Vida

 

Acreditar na Vida...


É ter esperança no amanhã.
Saber que após a noite vem o dia.
Viver intensamente as emoções!

Pular de alegria.
Não invadir o espaço alheio.
Ser espontâneo.
Apreciar o nascer e o pôr-do-sol.

Amar as pessoas incondicionalmente.
Aproveitar todos os momentos...
Fazer trabalho voluntário.
Vencer a depressão! É cantar no chuveiro.
Confiar na voz da intuição. Perdoar as pessoas.


Estimular a criatividade.
Não se prender a detalhes.
Brincar como uma criança. Chorar de felicidade...
Deixar para lá.
Ter pensamento positivo.
Respeitar os sentimentos dos outros.
Rir sozinho.

Saber trabalhar em equipe. Ser sincero.
Encontrar a felicidade nas pequenas coisas.
Entender que somos pessoas únicas.

É dançar sem medo.
Não se apegar a bens materiais.
Respirar a brisa do mar.
Ouvir a melodia suave de uma fonte.
Observar a natureza.
Adorar um dia de chuva.

Ter motivação! Enxergar além das aparências.
Descobrir que precisamos dos outros.
Esquecer o que já passou.
Buscar novos horizontes.
Perceber que somos humanos.

Vencer a nós mesmos.
Ver a beleza da alma. Sair da passividade.
Saber que a vida é conseqüência de nossas atitudes...
Não adiar as decisões.
Mimar a criança interior.
Deixar acontecer...

Praticar a humildade. Adorar calor humano.
Curtir as pequenas vitórias.
Viver apaixonado pela vida!
Visualizar só coisas boas.
Entender que há limites.
Mentalizar positivo. Ter auto-estima.

Colocar sua energia positiva em tudo que realizar!
Ver a vida com outros olhos...
Só se arrepender do que não faz.

Fazer parcerias com os amigos.
Crescer juntos.
Dormir feliz.
Emanar vibração de amor...
Saber que estamos só de passagem.
Melhorar os relacionamentos.
Aproveitar as oportunidades.

Ouvir o coração...
Acreditar na vida!

 


publicado por Marisa às 01:42

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 16 de Maio de 2007

Um dia.................

 

 

Um Dia...

 

 

Um dia, os homens vão perceber... 
Eles vão perceber que o mundo só está desse jeito, por causa da busca pela perfeição... 
Busca que causa guerras, disputas e mortes... 
Busca de pessoas sem sorte... 
Mas, um dia, os homens vão perceber...
 
Perceber que um mundo perfeito seria sem graça... 
Que pessoas perfeitas seriam desnecessárias... 
Por que se tudo fosse perfeito a ESPERANÇA deixaria de existir... 
Por isso, um dia, os homens vão entender... 
Entender que Deus é o único perfeito, pois criou tudo e sabe tudo... 
E que se nós fossemos perfeitos e soubéssemos tudo... 
Qual seria a graça de viver... 
Com certeza, um dia os homens têm que entender... 
Que se todos fossem perfeitos, não precisariam mais um dos outros... 
Não teriam mais o que esperar da vida... 
Não teriam vontade de viver... 
E então, um dia, os homens vão querer... 
Deixar de lado a busca pela perfeição humana, sem deixar a busca pelo conhecimento... 
Para, a partir deste dia, todos começarem a viver como irmãos... 
Assim, um dia, os homens vão descobrir... 
Descobrir que é a esperança que move o mundo... 
Que a AMIZADE impulsiona as pessoas... 
E que a perfeição serve apenas para Deus... 
Que nos deu sua esperança, pois não precisa dela, já que Ele sabe tudo... 
E que apesar de não precisar de ninguém, quer a nossa AMIZADE e o nosso AMOR... 
E então um dia, o homens vão querer... 
Querer viver como eternos amigos, com suas qualidades e defeitos, para sempre aprender e 
ensinar com seu atos... 
Viver como ETERNOS e VERDADEIROS IRMÃOS, pois estes sabem o significado de 
uma verdadeira amizade... 
E, um dia, os homens, as mulheres e todos os seres viventes vão ter a PAZ que tanto 
buscam... 
Uma paz que não vem da perfeição humana, mas sim do AMOR DIVINO, o qual deve 
existir entre pais e filhos, entre os amigos e entre os irmãos... 
E nesse dia todas as pessoas vão se abraçar sem nenhum tipo de distinção, sabendo o 
verdadeiro valor da AMIZADE, a verdadeira importância da ESPERANÇA e o verdadeiro 
significado da frase: 
"EU TE AMO" 

Um dia, os homens vão perceber... 
Um dia, os homens vão entender... 
Um dia, os homens vão descobrir... 
Um dia, os homens vão querer...
 

 ( Fernando Patini Szmyhiel )

 

 

publicado por Marisa às 01:44

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 15 de Maio de 2007

Agenda 2007

 

ACTUAÇÕES 2007
Festival do Rancho Folclórico Roseiras do Vale da Rosa – Leiria – 29.04.07 – Domingo
Srº dos Milagres- Argivai – 20.05.07 – Domingo
 Lançamento do Cd – Póvoa de Varzim - 26.05.07 – Sábado
Santo António - Largo do Cidral -12.06.07 - Terça-Feira
Festa de Stº António – S. Pedro de Rates – Póvoa de Varzim – 17.06.07 – Domingo
Festival de Vila Verde – Oliv do Bairro - 24.06.07 – Domingo
Inauguração Trono de S. Pedro – Bairro da Matriz – 27.06.07 – Quarta-Feira
Festival de Couço – Coruche – 07.07.07 - Sábado
Festa de Cabeção – Mora –   14 e 15.07.07 – Sábado e Domingo
Festival do Emigrante – Póvoa de Varzim - 04.08.07- Sábado
Festival de Stº André de Sobrado – Valongo - 11.08.07 - Sábado
Festival de Vimioso – Vimioso – 12.08.07 – Domingo
Festival Internacional – Castelo da Maia – S. Pedro Avioso – 25.08.07 – Sábado
Festa de S. Miguel – Qt.da Ponte – Sezures - Penalva do Castelo – 02.09.07 – Domingo
publicado por Marisa às 13:14

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Mães

 

Mães, que nos deram a luz do dia,
Que nos amam para toda a vida,
Que nos perdoam uma arrelia,
Que nos abraçam com alegria.
Que nos trazem no pensamento
A toda a hora a todo o momento.
Mães, que amam com tal fervor,
Que no mundo o amor de mãe,
É com certeza, o maior amor,
Sempre a dizer: estou presente
Nos bons e maus momentos.
Quem tiver esse amor ainda,
Essa doçura tão linda!
Esse brilho de felicidade,
Não espere, diga-lhe agora
Num abraço bem apertado
Amo-te querida Mãe
Estarás sempre a meu lado.
Aires Plácido
publicado por Marisa às 07:33

link do post | comentar | favorito
|

Parabéns Otília

 

 

 

 

publicado por Marisa às 03:34

link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 14 de Maio de 2007

Cidral...Mais vivo do que nunca!!!

 

 

 

 

publicado por Marisa às 12:48

link do post | comentar | favorito
|

Sem comentários

 

publicado por Marisa às 07:25

link do post | comentar | favorito
|

Festa

 

Uma festa dentro de mim...
 

 
Resolvi dar férias para as dores,
tristezas e decepções.
      Cansei -me  de reclamar,
de achar culpados para
a minha angústia.
      Resolvi mandar tudo plantar batatas e decidi:
Vou fazer uma festa dentro de mim!

      Para começar eu vou para o espelho ensaiar o
meu melhor sorriso, vou retirar essas
marcas da minha testa,
vou jogar fora essa máscara de dor
 que me acompanha há tantos dias,
e preparem-se:
 
eu quero é ser feliz,
 
quero conhecer pessoas como vocês
que são alegres, para cima,
 alto astral;
 
      Hoje eu não quero falar de tristeza,
 quero saber é de coisas boas,
 quero ir ao cinema,
sabe há quanto tempo eu não vou ao cinema ?
      ...e tem mais, eu vou escolher o filme,
chega de "gente" ficar escolhendo
o que eu quero.
      Hum ! Acho que vou passar no cabeleireiro
antes,  vou pintar os cabelos, cortar umas pontas,
vou me agradar, só para o meu prazer.
   
     Hoje é dia de festa
 e só para o meu prazer vou tomar um
banho demorado,
 e vou fazer de conta que a água do chuveiro
é água de batpismo e
 vou "renascer para a vida".

      Sai da minha frente que eu quero viver !!!

      Quem quiser que me acompanhe

Beijos

Paulo Roberto gaefke

publicado por Marisa às 01:17

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Domingo, 13 de Maio de 2007

Condolências

 

 

 

 

Em nome da Associação Cultural e Recreativa da Matriz, do Rancho Tricanas do Cidral e em meu nome, do Mário e do João Vítor, para a Auxiliadora, componente do coro do Rancho Tricanas do Cidral, aqui deixamos sentidos pesâmes e toda a nossa solidariedade nesta hora triste em que faleceu o seu esposo. Para toda a família, as nossas condolências.

 

 

 

 

publicado por Marisa às 23:51

link do post | comentar | favorito
|

E lá terá de ser....

 

 

publicado por Marisa às 23:26

link do post | comentar | favorito
|

13 de Maio

 

Vou a Fátima algumas vezes por ano, ainda lá estive, com todo o rancho no dia 29 de Abril,mas um dia ainda irei no dia 13 de Maio.

Gosto de lá estar sem confusões, visitar a capelinha, a basílica, participar na procissão noturna, mas sem atropelos e sem muita gente. Fátima para mim, é sinónimo de paz, de recolhimento, é um local de onde saio  tranquila, serena e com as energias positivas renovadas. Daí, ainda não me ter atrevido a passar lá o dia 13 de Maio, mas um dia, acredito que o vou fazer.

 

 

publicado por Marisa às 00:05

link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 12 de Maio de 2007

Lançamento do CD

 

 

 

publicado por Marisa às 14:35

link do post | comentar | favorito
|

Mãos Sinceras

 

 

Mãos Sinceras
Mãos que procuram amizade,
Sempre encontram reciprocidade...
Amizade é o mais puro sentimento,
Se doa até por pensamento
Um quente aperto de mão,
Sempre será um afago no coração...
Feliz daquele que sabe transmitir,
Sendo amigo sem precisar fingir...
Espalhar amizade...
Eis a mais completa felicidade que se pode almejar...
Venha minha mão apertar,
Deixa-me abraçar-te...
Com o carinho da amizade,
De nada mais temos necessidade...
...
publicado por Marisa às 06:34

link do post | comentar | favorito
|

Ensaios para um grande espectáculo!!!

 

O espectáculo está anunciado, os ensaios decorrem a bom ritmo.

Hoje houve ensaio da tocata e coro, com o Tiago no comando, de onde retirei alguns excertos fotográficos e uns mini filmes também, que entretanto serão usados na promoção do lançamento do CD do Rancho Tricanas do Cidral.

 

Como sempre, os nossos elementos dizem "Presente", quando são solicitados. Bem hajam e todos juntos vamos mostrar que o "Cidral está mais vivo do que nunca"

 

publicado por Marisa às 00:00

link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 11 de Maio de 2007

Mais uma Rusga

 

Pela primeira vez em muitos anos a Associação Cultural e Recreativa da Matriz vai sair nas festas de S. Pedro com 3 rusgas. As já habituais infantil e sénior e uma nova - Juvenil.

Isto porque todos os anos, ficam muitos jovens tristes e desiludidos, que não podem participar, pois sendo já muito grandes para a rusga infantil, são ainda muito novos e sem constituição física que lhes permita levar durante toda uma noite os arcos da rusga sénior. E assim, vários jovens fazem uma paragem de alguns anos e nesse entretanto, perdem-se tradições, ganham-se novos hábitos e mais tarde, já não querem participar nas rusgas.

Este ano, todos estes jovens viram as suas expectativas confirmadas e têm uma nova rusga para poderem também eles, dar o seu contributo nas festas de S. Pedro.

Do ensaio de hoje, tenho algumas fotos, ainda não são muitas, mas mais virão, assim como virão também as fotos da Rusga Infantil, numa próxima oportunidade.

 

 

 

publicado por Marisa às 23:52

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Novas Fotos do Rancho Tricanas do Cidral

E como o Rancho tem muita gente nova, aqui ficam as novas fotos, que a partir de agora começarão a a parecer nos cartazes das actuações.

 

 

 

 

 

 

 

publicado por Marisa às 22:04

link do post | comentar | favorito
|

Deslocação a vale da Rosa - Caranguejeira - Leiria

 

E antes vale tarde do que nunca, não é? Aqui ficam as fotos da paragem em Fátima, do almoço e da simpatia de todos os responsáveis pelo Rancho Roseiras do Vale da Rosa, a quem muito agradecemos, do desfile, dos tempos de espera,da actuação, do meu pequenito Diogo, que arrastou os pais e veio de Alcobaça para ver o Jota ( como ele chama ao João Vítor), do lanche a meio do caminho, enfim de mais um dia de convívio, que permitiu que os nossos novos elementos se entrosassem completamente, se divertissem e nos divertissem e mais um dia em que o Rancho Tricanas do Cidral recolheu elogios e aplausos e mostrou a quem assistiu que não anda aqui por acaso, mas sim como um sério representante dos usos, costumes e tradições do Bairro da Matriz e da Póvoa de Varzim.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Mais uma vez, o Carlos Rosa, elemento da nossa tocata, colaborou e tirou muitas das fotos que aqui estão. Obrigada, Carlos, assim o rancho visto por duas pessoas diferentes, ganha outra côr e para mim é bem mais fácil, pois sei que se não registar alguma coisa, é quase certo que já o fizeste.

 

Sei que ouve mais pessoas que tiraram fotos, se mas quiserem enviar, já sabem que eu as coloco aqui.

 

publicado por Marisa às 21:46

link do post | comentar | favorito
|

Viu esta criança?

 

 

 

 

publicado por Marisa às 17:38

link do post | comentar | favorito
|

Vem assistir...Vai ser um espectáculo!!!!

 

 

 

 

publicado por Marisa às 01:37

link do post | comentar | favorito
|

Repartir

 

 

 

 

publicado por Marisa às 00:15

link do post | comentar | favorito
|

Ensaio da Rusga Sénior

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por Marisa às 00:03

link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 10 de Maio de 2007

Apelo

 

 

 

Apelo!

Que tristeza! Porque razão
Há no mundo gente assim,
Não têm no peito coração...
Se têm, deve ser bem ruim.

Roubar crianças, inocentes
Seres humanos a fazerem tal,
Só monstros muito doentes
Fariam assim tão grande mal.

Nem parece realidade,
Para onde caminhamos?...
Porquê tanta maldade?
Que tão tristes ficamos.

O que pensarão de nós
Os animais irracionais?
Talvez, que temos voz
Mas brutalidade a mais.

E já se fala dessa brutalidade
Naturalmente, porque existe,
Monstros a viverem em sociedade
Que deixam o mundo triste.

Apelo a todos governantes,
Unam-se em forte união,
Gente dessa e seus mandantes
O seu lugar é na prisão.

10.05.2007 Aires Plácido


publicado por Marisa às 20:41

link do post | comentar | favorito
|

20,30,40...

 

 

Quando temos 20 anos, estamos convencidos de que resolvemos o enigma do mundo. Aos 30, começamos a reflectir acerca deles. Aos 40, descobrimos que ele não tem solução."
( Honoré de Balzac)


publicado por Marisa às 14:18

link do post | comentar | favorito
|

Parabéns Leonel

 

 

 

 

publicado por Marisa às 02:54

link do post | comentar | favorito
|

Paisagens

Paisagens 
     
  
Paisagens, quero-as comigo.
Paisagens, quadros que são...
Ondular louro do trigo,
Faróis de sóis que sigo,
Céu mau, juncos, solidão...

Umas pela mão de Deus,
Outras pelas mãos das fadas,
Outras por acasos meus,
Outras por lembranças dadas...

Paisagens... Recordações, 
Porque até o que se vê 
Com primeiras impressões 
Algures foi o que é, 
No ciclo das sensações. 
 

Paisagens... Enfim, o teor 
Da que está aqui é a rua 
Onde ao sol bom do torpor 
Que na alma se me insinua 
Não vejo nada melhor.

 
(Fernando Pessoa)

publicado por Marisa às 01:41

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 9 de Maio de 2007

Boa Noite

 

 

publicado por Marisa às 22:14

link do post | comentar | favorito
|

Cheguei

 

Como já devem ter entendido, cheguei. Já cheguei a casa ontem , mas a confusão ainda é muita e há que colocar tudo em ordem. Mas como as férias vão até ao fim de semana, acredito que tudo estará nos eixos até lá. Entretanto, tenho muitas fotos da actuação de Vale da Rosa para colocar e muitas das férias para partilhar. Muitas do Portugal interior, das ruas estreitinhas, das flores, das paisagens de sonho, das catedrais e igrejas espalhadas por esses montes, da neve que nos brindou na subida da Serra da Estrela, do calor que nos aguardava em Moimenta, mas com tempo eu vou mostrar tudo de bom que vi e vivi estes últimos dias.

Para todos vós, que fazeis deste blog, ponto de visita obrigatório, obrigado pelas muitas mensagens de Boas Férias e de incentivo que recebi. Adorei todas elas.

 

 

 

 

 

publicado por Marisa às 20:17

link do post | comentar | favorito
|

Dores Canas, Mavilde, Peregrinos, Boa Viagem....

 

A todos que caminham em direcção a Fátima, desejamos Boa Viagem. Este desejo vai para todos sem excepção, mas claro, principalmente  aos poveiros e especialmente para a Dores Canas e para a Mavilde, elementos do Rancho Tricanas do Cidral.

 

Rezem por nós, amigas,  e voltem depressa. No ensaio, hoje, vamos sentir a vossa falta, mas sabemos que é por uma boa causa e que nossa Senhora de Fátima, mais uma vez, vos vai auxiliar nesta caminhada.

 

 

 

publicado por Marisa às 20:05

link do post | comentar | favorito
|

Achei giro

 

 

Quer casar comigo?
Fernando Reis Costa
 
 
Fiz contas... fiz orçamento,
Vi quanto posso ganhar
Para a família suster...
Nem mais pensei no momento:
É hora de casamento!
É isso que vou fazer!...

Cheguei juntinho da querida
Que eu em silencio amava
E pedi-lhe a “sua mão”...
- Meu amor...já sou casada!
Bateste na porta errada
Aqui não te safas não!

Peguei no meu violão
Senti a face corada...
E pensei comigo então:
- Solteiro, não fico não!
Vejam bem esta safada,
Que logo me deu “tampão”

Agora é sério, “amigão”!
Fui ter com a Mariana,
Minha antiga namorada
(que de mim muito gostava)
P’ra resolver casamento...
Mas... de novo, em mau momento!

E logo ouvi então
Da boca da Mariana:
- Ó meu velho, ó meu querido,
Bem queria casar contigo!
Já que casavas comigo...
Mas tenho homem na cama!

Ó que sorte desgraçada!
- Santo António, por favor,
Se és Santo casamenteiro...
Tira-me desta embrulhada!
- Porque não encontro amor?
Achas bem ficar solteiro?!...

Cala a boca, ó parvalhão!
- Disse o Santo já zangado...
Toca aí no violão
Que mulheres não faltam, não...
Mas se pedes só a “mão”
Como podes ser casado?
                           
http://www.ventosquepassam.com.br/
                                                                                                                    
 
 
Candidata se apresentando
Tere Penhabe

Eu li a vossa proposta
em portal dos afamado
muito sério e de lisura
portanto valorizado
não sei se talvez eu possa
lhe fazer contra-proposta
por isso mando recado.

Fiquei enternecida
confesso de coração
da primeira porta errada
onde foste pedir a mão
isso acontece comigo
não só uma vez é seguido
dei é com a cara no chão.

É história muito comprida
mas vou aqui pincelar
por duas vezes seguidas
pensei ter a quem amar
mas chego sempre atrasada
tem sempre uma aloprada
ocupando o meu lugar.

Eu lhe digo a mesma coisa
é sério e pra lá de urgente
já tô passando do ponto
me casar já é premente
as coisas tão perigando
com o tempo sempre voando
urgência é conveniente.

Vamos lá ao que interessa
que Mariana feliz é
não tenho homem na cama
e nem mijando no pé
esse artigo tá escasso
fora os que nele eu passo
sem poder nem botar fé.

A Santantonio não peço
que esse santo já aprontou
não foi uma, duas vezes
marido ele me arrumou
me deixou com a bananosa
sem nem um dedo de prosa
e muito menos de amor.

Entendo bem o que diz
esse santo é engraçado
além de não ter razão
inda dá uma de zangado
se sobra é no paraíso
porque aqui é grande o risco
de acabar abandonado.

Deixa eu vender meu peixe
porque o tempo tá escasso
se quiser casar comigo
o negócio tá fechado
dizem que já matei dois
mas eu explico depois
isso é calúnia e pecado.

Não matei nem aproveitei
só fiz a parte madrasta
paguei festa e comelança
depois danaram na praça
se chifre fosse de ouro
eu tinha cá um tesouro
de valor pra qualquer raça.

Não sou bonita demais
nem feia de arrepiar
com jeito e boa vontade
dá bem pra me encarar
faço a tua bóia e a minha
você só limpa a cozinha
assim dá pra conversar.

Dote já não tenho mais
só mesmo o meu coração
gastei curando marido
pra depois ficar na mão
me diga o que você quer
peça tudo o que quiser
não venha com essa de mão.

Pedir mão já é passado
nisso eu abono o santo
com tanta variedade
pedir mão é desencanto
dela você não precisa
não vou lhe ensinar a missa
mas já estou até rezando.

Aguardo vosso retorno
eu espero seja sério
que não demore demais
pra não ser no cemitério
se acaso você negar
com sarna há de se coçar
só não aceito adultério.

Santos, 05.11.2006
www.amoremversoeprosa.com
 
 
 
 Risposta à Cumadre Tere
das bêra-mar ao “Vc quer casar comigo?
  
 
Acabei d'aqui chegar...
só agora pude vir,
estou fartinho de chorar,
mas chorar por tanto rir!
 
A resposta ao meu pedido
que esta amiga escreveu
quase acabava comigo
por rir tanto, ó Deus do céu!
 
Vamos ver o calendário
podemos combinar data
de seguida, no notário,
p'ra ver se isto desata!
 
Depois, em razão à boda,
a gente vai combinar
pois o resto que se...frite
a gente quer é casar!
 
E pronto, mais descansado
eu cá fico te esperando:
p'ra não ficares sem recado
segue um beijo do Fernando
 
Fernando – 5.nov.2006
* 
Cumpaaaaaaaaaaadi!!!
Inda tô lhi isperano cumpadi, ispia eu aqui...
 


Pra quem acha que o rotero
dessa quisila andô
saibam que tão inganados
o cumpadi me inrolô
me deu inté brotoeja
que fiquei no ora veja
isperano o meu amô.

Aprendi inté a custurá
trenei tamém na gemada
sacomé, passô dos trinta
priviní num custa nada
mai meu afã foi em vão
magoô meu coração
vê essa históra disandada.

E vô lhis contá o segredo
cumpadi é cabra da peste
tinha lá um tar fã crube
num há viúva que merece
vudú mandaro tramar
pra terê das bêra mar
quasi quasi ela falece.

Mai um gostinho eu tenho
macaco que muito pula
si num isborracha no chão
caba de mão na cintura
foi isso que conteceu
entre meu cumpadi e eu
só de pensá dá gastura.

Qui disperdício, mia Santa!
ceis cunsegue imaginá?
baita vontadi danada
eu aqui, cumpadi lá
no meio o tar do oceano
só se o peste fô secano
módi a vontadi matá.

Agora veio cum prosa
que a sodadi tá matano
ce exprimenta, seu purtuga
morrê anti do mei do ano
eu mi viro im duas, treis
mato e te enterro otra veiz
pá sardá meu disingano.

Falô meu cumpadi Nando
discurpa das brincadera
eu tamém tenho sodadi
e é sodadi matadera
mai to lhi guardano o abraço
de viúva e sem imbaraço
pra nossa tar prosiadera.

Mai vê se num te demora
vai que dá um revertério
inda caba ino me abraçá
na porta do cimitério
nói num tem mai vinte ano
já tá tudo discambano
anda logo e isso é sério!

Terê das Bêra Mar
kkkkkkkkkkkkkkkkk

Mais uma vez obrigado ao nosso amigo "Nandus", que nos proporcionou este texto.


 
publicado por Marisa às 18:23

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 8 de Maio de 2007

Parabéns Mavilde

 

 

 

 

 

publicado por Marisa às 02:45

link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 7 de Maio de 2007

Segredos...

Ah... se eu tirasse a máscara(!)
Tinha muito para revelar.
Segredos que guardo,
e que não vou contar. 
 
Não vou contar, nem aqui,
nem em lado nenhum.
Segredos bem guardados,
é no coração de cada um. 
 
O meu é pequeno,
mas imenso no sentir.
Só ele sabe o porquê,

de viver e

existir, sofrer, amar e sorrir.

 
publicado por Marisa às 01:33

link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 6 de Maio de 2007

Pensando baixinho!!!!

 

 

Pensamentos de Mãe e Filho

Agora, que o meu filho é crescido!!! o suficiente para entender a lógica que motiva os pais e as mães, eu posso dizer-lhe:

" Amei-te o suficiente para te perguntar: onde vais, com quem vais e a que horas regressas?".

Amei-te o suficiente para não ter ficado em silêncio, e fazer com que  soubesses que aquele novo amigo não era boa companhia.

Amei-te o suficiente para ter ficado duas horas junto de ti, enquanto fazias as tuas contas, as tuas cópias: tarefa que eu teria feito em 15 minutos.

Amei-te o suficiente para te deixar ver além do amor que eu sentia por ti, o desapontamento e também as lágrimas nos meus olhos.

Amei-te o suficiente para te deixar assumir a responsabilidade das tuas ações, mesmo quando as penalidades eram tão duras que me partiam o coração.

Mais do que tudo, amei-te o suficiente para te dizer NÃO, quando sabia que ficavas tão triste e tão aborrecido comigo.

E sei que ele vai pensar:

 

 
 

Ela insistia em saber onde eu estava a toda a hora - o telemóvel tocava até de madrugada.

Era quase uma prisão, ela tinha que saber quem eram os meus amigos, as minhas amigas e o que  faziam.

Insistia que lhe dissesse com quem ia sair, aonde ia, mesmo que demorasse só uma hora ou até menos.


Ela insistia sempre comigo, que por mais dura que fosse, era  para lhe dizer a verdade, e apenas a verdade.

E quando era adolescente, ela até conseguia ler os meus pensamentos.


Os meus amigos não tocavam a campainha ou a buzina, tinham que subir, entrar, conversar, comiam e dormiam lá em casa,  para ela os conhecer.

Enquanto todos podem sair e voltar à hora que querem à noite com 12, 13 anos, ainda hoje,  aquela "chata" se levanta para saber se a festa foi boa, se o trabalho correu bem, se a noite de "Queima", foi interessante - só para ver como estou ao voltar, para conversar,  para me animar, me mimar.

Por sua causa, eu perdi algumas experiências da adolescência. Nunca me envolvi com drogas, em roubos, actos de vandalismo, violação de propriedade, nem fui preso por nenhum crime.

Estudo, trabalho, jogo futebol, danço na discoteca e no rancho, divirto-me saudávelmente, sou amoroso e sociável, sei música, toco orgão, sou amigo do meu amigo e amo e demonstro esse amor , à minha mãe, ao meu pai, à minha família e aos meus amigos em todas as acções do meu dia.

Amo a VIDA.

Estou contente, venci... porque afinal tu estás a vencer também!

E qualquer dia, quando os teus filhos chegarem e  forem crescidos o suficiente para entenderem a lógica que motiva os pais e as mães, quando te perguntarem se a sua mãe era má, podes responder: "Sim...A minha mãe era má! Era a mãe mais má do mundo..." Pois eu sei, que lá dentro do teu coração, segredarás: Era a melhor de todas, graças a ela, eu sou alguém hoje!

 

E eu, mãe, penso assim :

 assim como eu, todos os dias agradeço a Deus e digo: Obrigado, pois eu tenho o bem mais precioso do mundo:

 

O MEU FILHO!!!



publicado por Marisa às 12:02

link do post | comentar | favorito
|

Dia da Mãe

 

 

 

A todas as mães, mas em especial para a minha, que não estando cá fisicamente, está sempre bem presente em meu coração e pensamento.

Para ela, o meu carinho e agradecimento.

 

 

publicado por Marisa às 00:18

link do post | comentar | favorito
|

Estrelas

 

 

 

publicado por Marisa às 00:13

link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 5 de Maio de 2007

Bom Dia

 

 

 

publicado por Marisa às 08:12

link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 4 de Maio de 2007

Recreando o Poeta

 

 

 
 
Recreando o poeta "Nandus"
 
"Não é poeta quem quer.
Só é poeta quem sente,
E diz o que a alma quer
Mesmo sem nada dizer
Diz mesmo tudo à gente."
 
 
 
 -In “Meus Rabiscos – Ser Poeta”
www.ventosquepassam.com.br 
 
*
 
 
A vontade e o querer,
Está na mão de um qualquer;
Porque o querer é poder!
Mas eu atrevo-me a dizer
Não é poeta quem quer
  
 
É preciso que a vocação
Brinque então na sua mente;
E dela haver ligação
A transmitir ao coração,
Só é poeta quem sente.
 
Que sente muito a preceito,
Seja homem ou mulher,
Pode não ser um ser perfeito
Mas sente dentro do peito
E diz o que a alma quer.
 
Quem é poeta pressente;
Está no seu sangue a correr
Sempre um desejo ardente
Que brinca na sua mente
Mesmo sem nada dizer.
 
Sem ser perfeito, o poeta,
Tenta sempre humildemente;
É grandiosa a sua meta,
E sem querer ser um profeta
Diz mesmo tudo à gente.
 
(Aires Plácido)
 
03.11.2006

publicado por Marisa às 08:40

link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 3 de Maio de 2007

Tempo...

 

Com o passar do tempo...
 
Com o passar do tempo aprendemos a diferença,
Entre a liberdade e a solidão.
 
E aprendemos que o Amor existe
E o impossível tem sentido.
 
E aprendemos que as lágrimas se afogam num sorriso,
E a voz se solta no silêncio das palavras.
 
E aprendemos a aceitar as  derrotas,
Com a cabeça erguida e os olhos abertos.
Com um sorriso de criança e a serenidade de mulher.
 
E também aprendemos que os sonhos de criança eram uma utopia, mas que foi bom sonhar.
E o terreno de amanhã é incerto e cheio de dúvidas.
 
E aprendemos, que o sol quando brilha, não é para todos, nem para quem merece.
E que o futuro a Deus pertence.
 
E  por isso plantamos o nosso jardim e decoramos a nossa alma.
Encontramos Amigos que nos ofereceram sorrisos e flores.
 
E aprendemos que na realidade,
Vivemos, sobrevivemos.
Que somos fortes e que talvez mereçamos isto.
 
E aprendemos...
E aprendemos...
Em cada dia, nós aprendemos...
publicado por Marisa às 01:44

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 2 de Maio de 2007

Ter Amigos

 

 

 

 

 

publicado por Marisa às 00:59

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Terça-feira, 1 de Maio de 2007

Aniversários de Maio

 

 

 

 

 

publicado por Marisa às 00:30

link do post | comentar | favorito
|

Mês de Maio

 

 

 

 

 

publicado por Marisa às 00:17

link do post | comentar | favorito
|
,

pesquisar

 
,

Novembro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

arquivos

Novembro 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Janeiro 2001

recentes

Pão por Deus

-----

------

---

-

----

--------

1 de Abril

---

---

links

blogs SAPO

subscrever feeds